Sete anos de Jornadas em Pitões

O trabalho continua, os resultados tamém. No fim de semana do 26 e 27 de Maio terám lugar as VII Jornadas Galego-Portuguesas em Pitões das Júnias (Montalegre), ponto de encontro, debate e celebraçom da nossa cultura ancestral.

Vinde desfrutar como sempre do convívio, actividades e palestras de primeiro nível!

E nom só isso, pois apresentaremos as novas actas das Jornadas, nomeadamente as correspondentes ao intervalo 2015-2017 (quarta, quinta e sexta ediçom) onde, entre outros textos, o famoso Prof. Francesco Benozzo expom a mais recente teoria sobre a etimologia do nome “Galiza”, quer dizer, do nome do nosso país. Tamén, aparecerá um artigo sobre a origem e presença da nossa crença nativa na nossa terra a cargo do Durvate Mor /|\ Milésio. Estas actas publicam-se, aliás, sob o selo da prestigiosa Universidade de Bologna (Itália).

O evento é organizado pola amiga A.C. Desperta do Teu Sono, Junta de Freguesia de Pitões das Júnias e Concelho de Montalegre, entre outros, com colaboraçom e apoio de várias outras entidades onde se inclui a Irmandade Druídica Galaica.

Programa:

Sábado 26 de Maio

1º Painel (manhã)

10:00 Boas-vindas e apresentaçom das jornadas.

10:30 Marcial Tenreiro (UNED): Mouras, Melusinas, Deusas: Algumhas supervivências do mito no folclore.

11:15 Luisa Borges (ATDL): Para umha arqueologia poética da Finisterra galaico-portuguesa.

12:00 – 13:30 Debate.

2º Painel (tarde)

16:00: Manuel Díaz Regueiro (IGACIENCIA): Identidade genética atlântica e doenças típicas dos celtas.

16:45: Exposiçom fotográfica de José Goris: Gallaecia: um passado mágico.

17:30 – 19:00 Debate.

3º Painel (serám)

19:30 Apresentaçom das Actas das IV, V e VI Jornadas (2015-17).

20:00 Música celta da mam de Ama Fai Falta, Chaves.

20:30 Ceia popular.

Domingo 27 de Maio

10:30: Visita às Mámoas do Planalto da Mourela.

13:00: Refeiçom e despedida.

Todos os painéis som apresentados e moderados por Maria Dovigo (AGLP).

Todas as actividades próprias das jornadas (palestras e visitas) som de acesso totalmente livre e gratuito, nom assim as dormidas e refeiçons, como é lógico. Recomenda-se reservar alojamento em Pitões com suficiente antecedência já que polo tamanho da aldeia a oferta turística é limitada.

 Novidades nesta ligaçom aberta em Facebook.

 

Gostas da IDG? Tu podes ajudar a que este trabalho continue – Do you like the IDG? You can help us continuing our work 🙂

 

Anúncios

Pitões, cenário de Maios por sexto ano

Nos Maios, Pitões! Por sexto ano consecutivo as Jornadas Galaico-Portuguesas serám o ponto de encontro, debate e celebraçom da nossa cultura ancestral durante, precisamente, a segunda grande época do calendário Druídico.

Vinde o fim de semana do 13 e 14 de Maio a Pitões das Júnias (Montalegre, Gerês) para desfrutardes do convívio, actividades e palestras de primeiro nível (ver programa completo embaixo).

De facto – como no ano passado – contaremos com a presença do famoso investigador Prof. Francesco Benozzo, considerado um dos melhores especialistas em harpa céltica e duas vezes candidato ao Prémio Nobel de Literatura. Além disso, teremos tamém a honra de dar as boas-vindas por primeira vez ao Druida /|\ Adgnatios, da Assembleia da Tradição Druídica Lusitana, que falará sobre ética céltica.

O evento é organizado pola amiga A.C. Desperta do Teu Sono, Junta de Freguesia de Pitões das Júnias e Concelho de Montalegre, entre outros, com colaboraçom e apoio de várias outras entidades onde se inclui a Irmandade Druídica Galaica. Aliás, esta será umha boa oportunidade de encontro para todas aquelas pessoas interessadas em estabelecer um contacto “real” com a IDG. Será a primeira presença pública da IDG desde o passado Magusto.

Programa completo:

  • Sábado 13 de Maio

1º Painel: Apresenta Maria Dovigo
10:00 – Apresentação das Jornadas
10:30 – Íria-Friné Rivera: “Celtismo: o amanhecer da estética moderna galega”
11:30 – Joám Evans: “Ogham: apontamentos sobre uma escrita galaica”
12:30 – Francesco Benozzo: Apresentação do livro “Speaking Australopithecus. A new theory on the origins of the human languages” (F. Benozzo & Marcel Otte) [em inglês com tradução ao português]

13:30 – Almoço

2º Painel: Apresenta Maria Dovigo
16:30 – Joaquim Palma Pinto: “Ética Espiritual Celta: valores intemporais para tempos atuais”
17:30 – Mesa redonda e debate aberto: “A utilidade do Celtismo na Galiza e Norte de Portugal”
20:00 – Concerto: “Uma viagem atlântica. Música desde as fronteiras célticas”, a cargo de Francesco Benozzo (voz, harpa céltica e harpa bárdica)

22:00 – Churrascada popular

  • Domingo 14 de Maio

10:00 – Visita à aldeia desabitada de Juris (castro habitado até a bem entrada a Idade Média) e ao Carvalhal de Porto da Laja (antigo nemetão céltico)
13:00 – Clausura
14:00 – Comida de Irmandade

  • Participantes:

Sra. Doutora Maria Dovigo, Academia Galega da Língua Portuguesa
Sra. Dra. Íria-Friné Rivera, Universidade da Corunha
Sr. Dr. Joám Evans, Academia Galega da Língua Portuguesa
Prof. Doutor Francesco Benozzo, Universidade de Bolonha / Candidato a Prémio Nobel
Sr. Doutor Joaquim Palma Pinto, Centro de Estudos de Filosofia (UCP) / ATDL

NOTA: Recomenda-se a reserva rápida de lugares para dormidas e refeiçons em Pitões, já que polo tamanho da aldeia a oferta turística é limitada.

ACTUALIZAÇOM IMPORTANTE para viajantes desde a Galiza Norte: Vamos lá ter as melhores jornadas por enquanto apesar da “visita papal”. Aguardamos-vos em Pitões mas tende em conta uns pequenos ajustes pois a maioria de passos fronteiriços direçom sul estarám fechados até sábado noite.
Ficam abertos – com controlos – os dous principais via autoestrada (Tui/Valença do Minho e Verim/Vila Verde – ver gráfico). A opçom com mais quilómetros mas mais rápida (polo tipo e estado das estradas) e aceder via Verim/Vila Verde (A24) e desviar depois sentido Montalegre-Pitões das Júnias.
Estamos, contudo, à espera de confirmaçom da GNR local sobre informaçom do passo em Tourém, que facilitaria muito o acesso a Pitões.
Em todo caso, adaptade as vossas rotas e tempos de viagem e lembrade portar sempre um documento identificativo oficial e documentaçom do carro em ordem (nomeadamente a “carta verde”, fornecida gratuitamente polas companhias asseguradoras).
Paciência 🙂 O líder católico irá a Fátima, mas os responsáveis da Druidaria Galaica e Lusitana estám em Pitões!

Gostas da IDG? Tu podes ajudar a que este trabalho continue – Do you like the IDG? You can help us continuing our work 🙂

Cheiro de castanha, aviso de Magusto

Castanha, alimento do Além
Castanha, alimento do Além

Já cheiramos as primeiras castanhas assadas nas ruas, e isso só poder significar que chega o momento mais emblemático do nosso calendário: a época do Magusto, a Noite dos Calacús, de Samhain (que alguns chamam de Halloween), a noite dedicada aos nossos Devanceiros e Devanceiras, quando abrem as portas do Além e fecha-se o ciclo do ano.

Esta é umha festa da tradiçom Druídica celebrada por muitos milhons de pessoas em todo o mundo como data popular. Desta vez, nós festejaremos tamém a apariçom pública da IDG há 5 anos, no Magusto de 2011.

Começaremos no serám do 31 de Outubro com o VI Roteiro da Pantalha, seguido do já tradicional banquete de fim de ano celta e posterior convívio e sessom de contacontos (ver actualizaçom das actividades dos dias 1 e 12 no final deste texto).

A Pantalha deste ano sairá do centro da vila de Cerdedo (Terra de Montes) às 20h30, para depois do roteiro enfiarmos de carro até a aldeia de Pedre, a uns escassos 4 km. Como sempre, o roteiro nocturno é gratuito e de livre assistência, mas lembrade que a ceia (22h30) e dormidas na Casa Florinda de Pedre sim tenhem custo e que as vagas som bastante limitadas, requerendo-se reserva prévia directamente com a Florinda. É muito importante tamém trazer calçado ajeitado e boa iluminaçom, pois o percurso será às escuras e pode que as condiçons climáticas nom estejam do nosso favor.

Este é um evento que sempre tem para nós um importante valor simbólico e emocional além do obviamente religioso, pois foi poucos dias depois da primeira ediçom da Pantalha quando nasceu a IDG, a poucos metros do local de reuniom habitual em Pedre. A tradiçom do Roteiro da Pantalha – começada pola querida A.C. Amigas da Culturaé continuada agora polo colectivo Capitán Gosende, umha festa reivindicativa onde a IDG gosta de prestar o seu apoio. Ver >aqui< fotografias da ediçom anterior.

Aproveitade pois para celebrardes a magia da Nossa Terra entre amigos e amigas, entre pessoas afins. É um momento ideal para umha pausa, para a reconexom e confraternizaçom, para conhecerdes tamém a gente da Irmandade.

Importante: Estas actividades tenhem carácter cultural e celebratório mas nom estritamente religioso. Para interessadas/os em ritos religiosos será preciso contactar directamente e com antecedência com a IDG (idg @ durvate.org). O Durvate Mór estará presente nos actos do dia 31. Um texto de teor religioso será publicado neste mesmo espaço nesse dia 31.

vipantalha

pitoes_celta_2016ACTUALIZAÇOM (22 Out): Como em ediçons anteriores, a associaçom amiga Desperta do Teu Sono (DTS) co-organiza actividades de Magusto para os dias 1 e 12 de Novembro, que contam com o total apoio da IDG e onde membros regulares da mesma estarám presentes.

Nomeadamente, o dia 1 de manhã terá lugar o II Roteiro de Anumão, umha visita às terras da Deusa Anu na Serra do Gerês. No serám do dia 12, a Junta de Freguesia de Pitões das Júnias (Montalegre) organiza o III Magusto Celta, conjuntamente com o DTS. Visitade as ligaçons indicadas para toda a informaçom logística e outros detalhes.

Nota: Estes eventos som de livre assistência e de carácter festivo-popular, cultural e celebratório, nom estritamente religioso.

 

Gostas da IDG? Tu podes ajudar a que este trabalho continue – Do you like the IDG? You can help us continuing our work 🙂